Quantidade de Páginas visitadas

HISTÓRICO

Colégio Estadual Hugo Simas

Em meados de 1936, quando o Estado do Paraná era governado pelo interventor Manoel Ribas, Raul de Carvalho, agrimensor, funcionário da Colonizadora Beltrão, foi encarregado de demarcar a localização dos alicerces do Grupo Escolar de Londrina, a primeira escola estadual da comunidade que na época era liderada pelo prefeito Dr. Willie da Fonseca Brabazon Davids. O engenheiro encarregado da obra foi o Dr. Alexandre Gutierrez Beltrão.

Primeiramente, foram construídas duas salas de aula, parte administrativa e dois sanitários, mas devido à demanda de alunos, o governo ampliou mais duas salas de aula. Com o nome de Grupo Escolar de Londrina, a escola passou a funcionar em 14 de julho de 1937, tendo como primeiro diretor o professor Antenor Henrique Monteiro, que a dirigiu até 18 de fevereiro de 1939, quando 587 alunos foram matriculados.

As professoras Mercedes Camargo Martins e Genny Wolf Alves de Camargo passaram a lecionar no Grupo Escolar, recém construído, vindas da escolinha que até então funcionava onde hoje é o Edifício Julio Fuganti. O primeiro professor a assinar termo de posse e exercício da nova escola foi o Juiz Minervino de Oliveira, transferido de Santo Antonio da Platina. O professor João Beltezak Junior, o segundo diretor, atuou de fevereiro a agosto de 1939. A escola já contava com 780 alunos.

Em 25 de fevereiro do mesmo ano, foi fundado o Centro de Professores que recebeu o nome de "Júlia Wanderley", a primeira professora do Paraná. Criou-se a Biblioteca dos Professores com o mesmo nome. Em 9 de abril de 1939, foi fundado o "Centro Infantil "Olavo Bilac" que deu o nome à "Biblioteca Infantil Olavo Bilac".

Em agosto do mesmo ano (1939), foi empossado o novo diretor, professor Aristeu Costa Pinto, que ficou na direção até fins do ano letivo de 1940 e em 4 de fevereiro de 1941, tomou posse a nova diretora, professora Mercedes Camargo Martins Madureira, que permaneceu na direção até 13 de março de 1971.

Em 29 de julho de 1941, começou a funcionar a Cooperativa Escolar "Duque de Caxias Ltda", atual Cooperativa Escolar “Dr. Hugo Simas Ltda". Outras conquistas foram sendo acrescentadas, revelando a luta de pais, professores e alunos para a melhoria da condição de ensino: Cantina Escolar; registro da biblioteca "Júlia Wanderley" dos professores sob o nº 222, Club Tuins do Norte, Club Agrícola, entre outros.

Pelo decreto nº 12261/41, publicado no Diário Oficial nº 2773/41 de 5 de dezembro de 1941, o interventor Federal do Estado do Paraná, Senhor Manoel Ribas, tendo em vista os relevantes e inestimáveis serviços prestados ao Estado pelo saudoso Desembargador Hugo Gutierrez Simas, resolve dar a denominação de "Hugo Simas" ao Grupo Escolar da cidade de Londrina, como preito de gratidão ao povo paranaense.

A escola contava então com 1200 alunos distribuídos em vinte e sete salas que funcionavam em três períodos. Em 22 de setembro de 1944, com a presença do corpo docente do estabelecimento, pais de alunos e diretoria, tratou-se da fundação da Associação de Pais e Mestres.
Em 1967, foi criado o "Jardim de Infância" que funcionava com seis turmas e Pré-escolar. Nesse mesmo ano criou-se o "Parquinho Infantil" no pátio da escola, destinado às crianças do “Jardim". No dia 26 de abril de 1969, foi introduzido no currículo o "xadrez", tendo como professor o enxadrista Ricardo Sampaio. Em 31 de julho de 1971, assume a direção da escola a professora Adnir Maria Rossi Tacha que a conduz até outubro de 1973.

No ano de 1958, passou a funcionar no mesmo prédio do Grupo Escolar Hugo Simas a Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras e a Faculdade de Direito de Londrina, que emprestou suas salas até que pudessem ter seu próprio espaço físico. Assim, o Grupo Escolar passou a ocupar somente nove salas, com suas vagas reduzidas para 1200 alunos. Foi o início da ocupação e partilha do terreno até então ocupado somente pelo Grupo Escolar Hugo Simas.

No ano de 1960, o prédio da escola foi ampliado ganhando duas novas alas de salas de aulas e sanitários. A gestão da professora Adnir preparou arduamente a escola para o que viria a seguir: em 1972, iniciou-se as atividades de Ensino Supletivo de 1º Grau, de 1ª à 4ª séries, pela Resolução 1847/72 e a instalação de turmas do Ensino Regular de 5ª à 8ª séries, fato que ocorreu durante a gestão da professora Nadir Scucuglia que assumiu a direção em outubro de 1973 até agosto de 1979.

Assim a escola, em 1973, passa a compor a Unidade Integrada do Instituto Estadual de Londrina, através do Decreto nº 1375/75, publicado no Diário Oficial nº 208, de 30 de dezembro de 1975, ficou autorizado a funcionar a Escola Estadual "Hugo Simas" – Ensino Regular e Supletivo de 1º Grau, resultante da reorganização do Grupo Escolar Hugo Simas.

Em 1976, portanto, acompanhando a reforma do Ensino, o estabelecimento passou a denominar-se escola "Hugo Simas", funcionando também com turmas de 5ª a 8ª séries. A escolinha de Artes foi muito atuante nessa época sob a direção da professora Lourdes Aparecida Jozzolino, artista plástica de renome.

Assumiu a direção da escola em agosto de 1979 a fevereiro de 1981 a professora Rosane Pacheco Monteiro. Em sua gestão, entre outras coisas, foi criada a Escola Noturna de 5ª a 8ª séries, antiga reivindicação, pois só funcionava o supletivo. Em fevereiro de 1981, assume a direção a professora Irene Ortiz que a coordena até agosto de 1982, ao mesmo tempo dirigindo a Escola Dr. Gabriel Carneiro Martins. Nessa época, pela Resolução nº 383/82, foi reconhecido o curso de 1º Grau Regular da Escola Hugo Simas - Ensino Regular e Supletivo de 1º Grau.

A professora Adélia Dias Castelã Ribeiro, assumiu a direção da escola em outubro de 1982, deixando-a em 31 de dezembro de 1987, sempre visando uma escola ativa, dinâmica e democrática conforme suas palavras. Entre muitas atividades, destacou-se o trabalho feito com a Fanfarra da escola que através de campanhas foi muito bem equipada e também a "Bandinha Rítmica" (1ª a 4ª séries) e a criação do "Laboratório Augusto Ruschi', Clube de Ciências. Nesse período, através da Resolução nº 203/83, o estabelecimento mudou a nomenclatura, passando a denominar-se Escola Estadual Hugo Simas - Ensino de 1º Grau Regular e Supletivo.

O Cinquentenário da escola foi comemorado nesta gestão reunindo professores de todas as épocas da escola e da comunidade de Londrina , para homenagear a "Escola Hugo Simas" que contava no ano de 1987 com 2000 alunos matriculados, sempre lutando através da APM e comunidade em geral para recuperar a totalidade do terreno que lhe pertencia.

No dia 1º de janeiro de 1988 até 31 de dezembro de 1997, assume a direção a professora Jeanete Gomes de Albuquerque. Nesta gestão, em 1995, foi instituído o 2º Grau que passou a integrar o agora Colégio Estadual "Hugo Simas" - Ensino de 1º Grau Regular e Supletivo e 2º Grau Regular. Nesse período, através da Resolução nº 3368/89 de 07/12/89, é autorizado funcionamento do Centro de Atendimento Especializado na Área de Deficiência Visual.

Em 1991, através da Resolução nº 2292/91 de 12/07/91, é autorizado o funcionamento de Centro de Atendimento Especializado, Área de Deficiência Auditiva. No mesmo ano, implanta-se Classe Especial para alunos Deficientes Mentais, aprovadas pela Resolução nº 3371/91 de 09/10/91. Em 1992, através da Resolução nº 473/92 de 13/02/92, institui-se a Área de Deficiência Mental no mesmo Centro de Atendimento Especializado.

A Resolução nº 4003/92 autorizou a implantação do 2º Grau como curso de Educação Geral. Pela Resolução nº 2624/93 de 12 de maio de 1993, é concedida autorização para o funcionamento do Ensino de 2º Grau - Educação Geral - Área de Concentração: Administração, e o Estabelecimento passa a denominar-se nesta gestão Colégio Estadual "Hugo Simas" - Ensino de 1º Grau Regular e Supletivo e 2º Grau Regular.

Em 1994, através do Parecer nº 687/94 de 29/11/94, foi autorizado o Programa de Escolaridade Regular com Atendimento Especializado na área de Deficiência Auditiva (PERAE). Foi reconhecido o curso de 2° Grau - Educação Geral pela Resolução nº 77/97. Através da Resolução nº 1493/17, cessou o curso de Suplência de Educação Geral - Fase I a partir de 1996 e altera a denominação do estabelecimento para Colégio Estadual Hugo Simas - Ensino de 1º e 2º Graus.

A professora Ubiracy Creusa Lobo Moreira Silva, assume a direção da escola em 1° janeiro de 1998 a 31 de dezembro de 2001. Nessa época, a Resolução nº 3120/98 alterou a nomenclatura do estabelecimento para Colégio Estadual Hugo Simas - Ensino Fundamental e Médio. Durante a sua gestão, no ano de 2001, iniciou-se a tão sonhada reforma do prédio.

Em 1º de janeiro de 2002, assume a direção o professor Alceu Martins de Albuquerque Filho com a escola ainda em reforma, sendo esta concluída em 2002. A reinauguração foi no dia 01 de agosto de 2002, após um trabalho de restauração e construção. O Professor Wilson Roberto Dejato da Rocha tomou posse no dia 1º de janeiro de 2006 com o diretor geral e deixou o cargo em 24 de junho de 2006.

A partir do dia 24 de junho de 2006 até os dias atuais, assume a Direção o Professor Fernando Munhoz Neri. Nesta gestão, através da Resolução nº 3185/2008, de 10/09/2008, foi renovado o Reconhecimento do Curso do Ensino Fundamental e a renovação de reconhecimento do Ensino Médio deu-se em 17/09/2008, através da Resolução 3291/2008.

No ano de 2011 a gestão atual retoma o trabalho com a fanfarra, integrando alunos, ex-alunos, pais, funcionários e professores, tendo como regente o Diretor Fernando Munhoz Neri. Desde então a Fanfarra do Colégio Estadual Hugo Simas vem marcando presença em grandes eventos, entre eles, e o mais importante, o desfile cívico de 7 de setembro para comemorar o dia da Independência do Brasil, motivo de orgulho para toda comunidade escolar. 


Pedra Fundamental


Planta da construção


Primeira Turma - Construção do colégio ao fundo


Construção do Colégio, 1937.






Década de 70.
Fontes: Museu Padre Carlos Weiss, arquivos do Colégio Estadual Hugo Simas , panfleto de inauguração distribuído pela Secretaria de Estado da Educação e Núcleo Regional de Educação.














Validador

CSS válido!

Secretaria de Estado da Educação do Paraná
Av. Água Verde, 2140 - Água Verde - CEP 80240-900 Curitiba-PR - Fone: (41) 3340-1500
Desenvolvido pela Celepar - Acesso Restrito